Conselhos

Equipamento e segurança de ginástica


A segurança da ginástica depende do proprietário da academia e da equipe de treinamento que se responsabiliza pela segurança e bem-estar de seus atletas e pelas políticas e procedimentos que operam dentro da academia. Em primeiro lugar, para executar um programa de ginástica seguro e bem-sucedido, os proprietários de academias devem garantir que sua equipe técnica seja qualificada, experiente e segurada. O desembolso original para um programa seguro e eficaz inclui treinamento, equipamento e seguro. Pode ser um empreendimento caro, mas é necessário para evitar ferimentos e os processos que possam surgir deles. O uso seguro de equipamentos de ginástica requer certas medidas, como manutenção preventiva e educação.

Tipos de Equipamento

O esporte da ginástica utiliza vários tipos de equipamentos em treinamento e execução. Além de vários aparelhos, como vigas de equilíbrio, barras e abóbadas irregulares e equipamentos de proteção individual, como garras e giz, todo ginásio deve ter um suprimento e uma variedade adequados de tapetes. Não existem tapetes demais. Siga as diretrizes da USA Gymnastics para equipamentos ao escolher seu equipamento. É importante na compra de equipamentos não tentar economizar dinheiro com equipamentos mais baratos e possivelmente menos seguros.

Uso do equipamento

Use o equipamento de acordo com as diretrizes do fabricante e apenas para o uso pretendido. Configure o equipamento de ginástica de acordo com as instruções do fabricante. Certifique-se de que é seguro antes de cada uso. Disponha o equipamento na academia para facilitar o fluxo de uma estação para a outra. Afaste as peças adequadamente para evitar lesões por atletas treinando muito próximos. Limite o número de atletas que usam cada peça de equipamento de cada vez. Restrinja os atletas a usar equipamentos sem o equipamento de segurança apropriado, como esteiras ou sem a supervisão de um técnico qualificado.

Manutenção preventiva

Mantenha todo o equipamento em boas condições, realizando verificações regulares de manutenção para avaliar danos e desgaste. O equipamento deve ser revisado, inspecionado e mantido regularmente. Geralmente, é recomendável realizar essas verificações a cada seis meses, documentar as descobertas e realizar reparos, conforme necessário. Verifique o equipamento quanto à amplitude de movimento de peças móveis e óleo, quando necessário. Examine as porcas e parafusos quanto a peças soltas. Certifique-se de que os tapetes estejam livres de lágrimas e que não haja alteração na sensação ou firmeza da espuma. Substitua todos os equipamentos que estão além do reparo.

Movimentação e manuseio de equipamentos

Se o equipamento precisar ser movido, deve ser feito com cuidado por duas a quatro pessoas, dependendo do tamanho, peso e facilidade de movimento. Observe a direção da viagem ao transportar o equipamento e assegure-se de que os cabos e as amarras sejam levantados livres do chão. Levante o equipamento não acima da altura dos ombros. Nunca arraste o equipamento no chão ao movê-lo. Use as pernas para levantar e abaixar o equipamento com cuidado, mantendo as costas retas.